sábado, 12 de março de 2011

Cansaço

13/03. 4:51 AM. Estou cansado. Cansado de passar pelas mesmas ruas, de ver as mesmas pessoas, de ouvir os mesmos assuntos. Cansado de ir a mesma faculdade, cansado de assistir aulas infrutíferas, cansado de escutar que tal professor é formado nisso e naquilo, tem mestrado, doutorado, phD em tal assunto, mas que no final das contas, dá uma aula de merda. Cansado de sentar num bar após as aulas, ligar o ipod, e ficar cogitando hipóteses improváveis sobre a vida. Cansado de ter que aturar o mau humor constante da minha família, de ouvir piadinhas preconceituosas do meu pai, de ter que manter o jogo de cintura com as variações da minha mãe, e de ter que aguentar a falta de educação e delicadeza do meu irmão. Cansado de passar as tardes jogando sueca com a 3ª idade, cansado das mesmas experiências contadas e recontadas. Cansado de ir pra praia de madrugada, de dar um mergulho na água fria, depois deitar e ficar observando o céu. Cansado de escrever poesias e músicas sempre com o tom amargo, de buscar a melhor palavra para descrever o pior sentimento. Cansado da barulheira da cidade, do engarrafamento, das promessas que são feitas hoje, e que amanhã já não valem nada. Cansado da mesma trilha sonora, de me afundar na depressão e angústia, de acender um cigarro a todo momento. Cansado de gastar meu tempo e energia em algo, ou alguém, que não é meu... E por hora, cansei de escrever aqui também. Adiós

Nenhum comentário:

Postar um comentário